Connect with us

NOTICIAS

“Deus não ama o povo judeu mais do que os árabes”

Published

on

“Deus não ama o povo judeu mais do que os árabes”

O povo judeu não é mais amado por Deus do que os povos árabes, de acordo com o rabino Jonathan Bernis. Embora a Bíblia seja clara sobre a aliança feita com os israelenses, ele esclarece que a salvação só acontece através de Jesus Cristo.

“Nosso acesso à salvação, à redenção, está em um nível de igualdade de condições”, disse Bernis, um judeu que reconhece Jesus como Messias e presidente do ministério Jewish Voice.

O rabino acredita que apenas uma coisa é fundamental para a paz duradoura não apenas no Oriente Médio, mas em todo o mundo: Jesus Cristo.

“Quando as pessoas entram em um relacionamento com o Deus de Israel através do Messias de Israel — Jesus, Yeshua, o Salvador do mundo — tudo muda”, disse Bernis, que está no ministério há mais de 30 anos.

“Eu vi de perto o que acontece quando judeus e árabes entram em um relacionamento com o Messias, o Salvador. Há verdadeira paz, há amor, há unidade. Esse é o plano de paz de Deus. Não é um acordo. É uma pessoa e Seu nome é Jesus”, acrescentou o rabino.

Bernis afirma que Jesus é a única maneira de combater a crescente onda de antissemitismo que continua piorando mundialmente. Segundo o Centro Simon Wiesenthal (SWC), que se dedica ao combate ao antissemitismo pós-Holocausto, 2018 mostrou sinais de avanço de hostilidade aos judeus pelo mundo.

“Segundo a Liga Antidifamação, o antissemitismo está em seu nível mais alto desde a Segunda Guerra Mundial e o Holocausto”, observou Bernis. “Mas Deus diz ao povo judeu: ‘Eu vou preservar vocês, apesar dos esforços para destruí-los. Eu vou preservar vocês como uma nação, e mesmo que você tenham me desobedecido, eu sou fiel a vocês’. Isso me conforta”.

COMPARTILHE !!

Continue Reading

Copyright © 2019 Noticia Gospel

%d blogueiros gostam disto: